19 outubro 2009

As nossas conclusões estapafúrdias de cada dia

Estou morrendo de pena do meu gato (o felino, não o namorado) porque o pobre está exilado do quarto. Antes que vocês me xinguem de bruxa cruel, explico: ele estava com um cheiro horrível e eu achando que ele andava mal da barriga e não parava de peidar. Ok, eu nunca vi gato peidar, mas ele é mamífero e mamífero peida, então tinha chegado a esta brilhante conclusão. Porém a situação era bem mais cataclísmica e desesperadora: como o pelo dele está mega-comprido, na verdade ele estava era com uns dreads de merda cocô nos pelos da bunda.
Sentiram meu drama doméstico?
Amanhã vou levar o bichano urgente para banho e tosa artística com virilha cavada e faixa. Só pra garantir.

8 comentários:

Andrea Mari disse...

gato depilado! hahahah tadinho longe do quarto,vai miar na porta! miau! e bjossss

Fernanda disse...

eco.
isso aconteceu uma vez com meu cachorro. Eu não entendia porque ele andava pela casa arrastando a bunda no chão. Era até engraçado, ria horrores.

tadinho, ele tava era tentando desgrudar o cocô do pêlo. Eco!!!

desde então, o cão só vive na tosa artístico-higiênica.

beijo

Oksana disse...

huahahahahahahahhahahah
Passei mal!
Dreads de merda foi a melhor!

Ela disse...

Oioi!!!
tadinho!!!
Eu tenho duas gatas e ñ tenho a menor dúvida de que elas peidam!!!
é silencioso.... mas derrepente sobe aquele mal xeiro.....
rsrsrs
bejinhos

Bia Ferreira disse...

Pobre gatinho... mas vc mesma poderia meter a tesoura la nos trecos pra aliviar a barra do bichano.. rss (só uma idéia)

Anônimo disse...

gente,ate a xuxa peida..

Jacky Alves disse...

Penso, logo me engano. rsrsrsr

Jacky Alves disse...
Este comentário foi removido pelo autor.