30 novembro 2007

Fim de ano é o que há

Festas de fim de ano foram criadas para ser fontes de constrangimento, inveja e todo tipo de sentimento ruim que alguém possa ter.
Quer algo mais desagradável do que natal? Você vai comer comidas gordurosas e calóricas que vão te encher de culpa no dia seguinte (e de gordurinhas abdominais também), vai encontrar com aqueles familiares que você nem gosta tanto assim (porque se gostasse não via só no natal), vai gastar um dinheiro danado e ainda vai ganhar um monte de presente que não vai gostar com um sorriso na cara (ou vai dizer que meia, chaveiro e porta moeda são teus sonhos de consumo?).
Mas obvimente nada se compara ao ano novo. Todo ano acho que vou passar a virada numa festa tudo-tudo, bêbada de champanhe e beijando na boca, mas geralmente termino em casa bebendo cidra e assistindo o show da virada.
Qundo era criança e não conseguia ficar acordada até meia noite achava que a virada era a maior sensação. Até podia imaginar um bebêzinho pelado com uma faixa escrita 2008 em paetê correndo pelo quintal. Até o dia que fiquei acordada. Do nada, as pessoas gritaram e acabou. Pô, era só isso?

10 comentários:

Poderosa disse...

Odeio festas de final de ano...
Mataç é uma grande porcaria..
e a festa da virada uma tristeza... é bom nem comentar....
sinceramente... não sei pra que... acho q é só pra gente se sentir frustradas .. e só...
beju

Fábio disse...

Engraçado. Você é a terceira ou quarta pessoa que eu vejo comentando sobre beijar na boca no Reveillón. E todas falam que no fundo quase nunca isso ocorre.
Será que somos exigentes demais?
Abraço

Fábio disse...

Ah, acabei de te adicionar no msn (espero que aquele ali seja seu msn heheh).

Mr T. disse...

Eu tive uma ótima idéia. Dormir em 2007 e acordar em 2008...

S disse...

Neste ano serei adepta da idéia do T.
Dormir. Festas de fim de ano me angustiam. Não entendo essa animação das pessoas....
Bjus

Ingrith disse...

Existe época do ano mais deprimente?

Bibi disse...

B., bora pro Reveillon do Intercontinental. Ano passado eu fui pro MAM e entendi pq o Reveillon nunca tinha sido grandes coisas. Pq nunca tinha ido numa festa de verdade... hehehe

Bibi disse...

Sérissimo! Anota meu gtalk: biessa.alves@gmail.com
E meu MSN biessa@hotmail.com

bj!

Fabiana disse...

Eu gosto de Natal, sempre foi um periodo muito bom da minha vida.Agora Reveillón! Começo a sofrer em novembro, sempre desejando fazer tudo diferente. De me divertir e quase sempre não dá certo. bjs

Babs disse...

Gosto de natal. Existem parentes que não faço a menor questão de encontrar, outros apenas nem sempre tenho tempo para combinar algo. Natal eu gosto, embora não comemore nada cristão, prefiro pensar no solstício.
Detesto reveillon, não fosse o barulho eu ia dormir.