16 maio 2007

Se o Freud Explica eu não sei, mas a minha terapeuta tá tentando...

_Pode falar o que der na sua cabeça, o que você estiver pensando, este tempo é todo seu, só seu.
_Bom...pensei em uma coisa agora. A minha irmã e minha prima me falaram que o que elas mais tem medo é de ficarem malucas. E eu disse a elas que eu nunca tive este medo. Eu SE-QUER pensei nisso. Elas me olharam espantadas. Cheguei a conclusão então de que eu não tenho medo porque eu JÁ sou maluca.

E esta foi a primeira vez que a séria terapeuta riu. Ela devia me dar um abatimento no preço, não posso mais ser considerada só paciente. Eu tenho o fator diversão.

6 comentários:

Mr T. disse...

Sei lá, acho que logo logo é ela quem vai precisar de terapia...

Mythus disse...

Se todo terapeuta já não precisasse de terapia, com certeza abriria um precedente de "urgência e necessidade"!

Mas acho que a B. pode pedir um desconto. ;)

aNNaFLaVia disse...

ahahahahaa

Eu pediria um abatimento! =P

30&Alguns disse...

é um medo até que bem aceitável, eu por exemplo conheço pessoas que eram "normais" pelo menos durante um bom tempo e de repente ....

OgrO disse...

Vixi, e a irritação maior nem vem agora. Pior é quando sua terapeuta lançar um livro contando os piores casos e lucrar ainda mais às suas custas. Uma dica: pelo menos obrigue-a a alterar seu nome nos relatos.

Miss Wilson disse...

B. pede desconto já!