15 maio 2006

Vem cá...te conheço!?

Eu estava vindo para o trabalho na van...quando eu começo assim vocês já sabem que lá vem bomba, né? Já me disseram que as minhas histórias na van dão um livro. De comédia. As meninas aqui do serviço me aconselharam a desistir das vans:
_Doutora, vai por nós. É melhor a senhora desistir. Deve ser um sinal divino, um aviso...é melhor não arriscar, ficar desafiando o destino assim. Sei lá!
Mas enfim...vinha eu dormindo na van. Quase uma Bela adormecida. Nada era capaz de abalar meu sono, a van passava por buracos, dava fechadas nos outros, freadas bruscas e eu lá...cabeça batendo na janelinha. Só não fui confundida com a Bela Adormecida porque princesas da Disney, obviamente, não babam. E meu sono era tão profundo que não garanto a integridade da minha camisa depois.
No meio do meu sonho (sim, eu até sonho na van), o passageiro ao meu lado, um senhor de uns cinquenta e poucos anos, me dá um cutucão:
_Ei! Você vai saltar aonde?
Eu abro os olhos meio zonza e olho pra cara dele. Eu ODEIO que me cutuquem e apesar da óbvia noção de que ele não tinha NADA a ver com meu itinerário, não quis ser mal educada e respondi:
_Na Cinelândia, ainda falta muito.
Aí ele vira com raiva e manda, asperamente:
_É...nunca vi isso. Você está dormindo desde que entrou na van! Não dormiu à noite, não?!
Acho que minha personalidade ácida e sacrástica está sendo suavizada e ficando restrita ao blog porque, milagrosamente, eu não respondi. Só ri.
Ou vai ver que foi porque a situação era tão surreal, que eu só conseguia pensar em uma frase:
" Vem cá... Te conheço?"

10 comentários:

vivi disse...

Oi B
Apos varios dias sem internet, ca estou eu de volta.

Bem, espero que o blog me de paciencia como deu a voce. Por que as vezes cruzam umas figuras comigo.....rss



otima semana

Hades disse...

Rs, esse tipo de coisa só acontece com vc e com as pessoas que estão perto de vc (eu que o diga).

Bjs meu anjo, te adoro.

Marcelo Amado disse...

Por que será que eu acho que se fosse com a Perséfone, o velho tinha voado pela janela?

Danilo disse...

O velho, coitado, deve ter ficado com inveja da sua capacidade de dormir em lugares perturbantes. É como um colega meu que dorme em todas as aulas, mas é o que aprende mais da aula; isso é que é bom: dormir a aula toda e sair sabendo!
Cena comovente essa de você dormindo, babando e batendo a cabeça na janelinha... hahaha

Bourbon prá dois disse...

Ó B., acho que mais surreal que a cutucada do vovô sem noção é o "sra". Você é uma menina de 26 (é isso?) anos e, que coisa. Quando me chamam de dr (eu ainda tenho 6 meses de faculdade pela frente, imagina quão longe eu tou do doutorado) eu fico incomodado... Imagina de sr.!
E depois me fala onde vc arruma esse maracujá ou essa camomila pq eu tb ando precisando de ficar mais zen, ok?
Bjs

Luis Mauro disse...

Se fosse eu já teria soltado os cachorros nesse vélho rsrsrs

Mário Henrique disse...

Você tem histórias de van? Legal, as minhas são histórias de busão.

Putz, eu já acordei várias pessoas no busão com o mesmo motivo do velhinho. Acho melhor eu parar.

Pantera disse...

Mas que gente intrometida! Credo! Nao deixa os outros dormirem em paz... Eu hein! Se fosse eu acho que tinha soltado uma respostinha... Deve ter sido o sono!

Vicente Magno disse...

Coisas do universo das vans. Eu, tb usuário delas, ainda estou empenhando em escrever um artigo científico sobre motoristas de van. Sim, é verdade, tô fazendo pra minha matéria de Comunicação e Cidade do mestrado. Loucuras do mundo em q vivemos...

Anônimo disse...

Enjoyed a lot! charleston southern soccer Nec ringtone radar detector water filter rating Mlm home businesses affiliate programs The+best+weight+loss+pill+in+stores online training interior design http://www.call-center-0.info Zangrando necklaces Didrex without prescription security home Architecture solution voip http://www.asian-schoolgirls-9.info Sports leather jacket bmw x5 oklahoma divorce Long bontril stay blood system